Semana de Ação Mundial das Camareiras denuncia condições de trabalho precárias

unnamed
Juntamente com a Confederação Nacional dos Trabalhadores no comércio de Serviços – Contracs, o Sinthoresca participou da 2ª Semana de Ação Mundial das Camareiras realizada do dia 4 ao dia 11 de novembro de 2015. O objetivo foi chamar a atenção do mundo para as condições de trabalho e as dificuldades encontradas pelos profissionais do setor através da divulgação de vídeos, fotos e artigos que foram divulgados em redes sociais e canais de Sindicatos do mundo todo.
A iniciativa da União de Trabalhadores de Alimentação, Agricultura, Hotéis, Restaurantes, Tabaco e Afins (UITA) teve apoio de várias Centrais Sindicais, Confederações, Federações e Sindicatos. Entre as tristes semelhanças relatadas por camareiras de diferentes países estão a desvalorização profissional, o assédio moral e sexual, baixa remuneração e as condições de trabalho desgastantes com uma rotina rodeada por materiais de limpeza com forte química e a pressão por cumprir metas para limpar vários quartos e banheiros.
“A camareira é uma das mais importantes funções e uma das menos notadas em hotéis, motéis e pousadas. Estão expostas ao contato com materiais químicos e sofrem pressão das governantas para cumprirem metas exageradas, o que acaba resultando em horas extras que não são contabilizadas nem pagas e isso nós não admitimos”, afirma Antonio Carlos, Presidente do Sinthoresca.
Com a segunda edição da Ação Mundial fica claro que o mundo sindical está atento aos desrespeitos contra camareiras e em nossa região estamos atentos, por isso é importante que todos façam sua parte com denúncias, que podem ser anônimas, a sede do Sinthoresca mais próxima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.